Cínicos e sujos
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Cínicos e sujos

Defesa de Dilma por Cardozo no Senado inclui gravações de críticas à Lava Jato como provas de golpe que não houve

José Nêumanne

02 de junho de 2016 | 08h42

Defesa deslavada de Dilma por Cardozo

Defesa deslavada de Dilma por Cardozo

Cinismo deslavado de Dilma Rousseff e Eduardo Cardozo chega ao limite com a inclusão das gravações de conversas de Sérgio Machado com próceres do PMDB. O assunto – conspiração contra Lava Jato – nada tem que ver com o impeachment. E os trechos escolhidos excluem grampos de conversas pessoais por telefone em que Dilma e Lula, além de outros suspeitos da operação que faziam parte da equipe da presidente afastada, conspiravam em seus cargos contra a devassa jurídico-policial da “república de Curitiba”. A presidente afastada e o ex a detratavam até em pronunciamentos públicos.

(Comentário no Estadão no Ar da Rádio Estadão – FM 92,9 – na quinta-feira 2 de junho de 2016, às 7h10m)

Para ouvir clique no link abaixo e, aberto o site da rádio, no play abaixo do anúncio em azul

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: