Cadê o povo do Congresso?
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Cadê o povo do Congresso?

José Nêumanne

01 de julho de 2019 | 21h59

PMs e meios de comunicação têm obrigação de informarem cálculos de manifestantes, informação a que cidadãos têm pleno direito. Foto: Taba Benedicto/Estadão

Os inimigos da Lava Jato, do ex-juiz Sergio Moro, do procurador Dallagnol e da Operação Lava Jato tentam desqualificar a manifestação popular nas ruas de 70 cidades em 26 Estados como insignificante para reforçar o apoio dado a seus adversários imediatos e críticas que fizeram a duas instituições: o Congresso, que se jacta derepresentar a cidadania e o STF, que considera como principal missão corrigir decisões de juízes de instâncias inferiores e fazer ouvidos de mercador à pressão popular. Que tal se eles convocassem o povo que os sustenta para apoiar suas prerrogativas institucionais nas mesmas ruas onde dois atos os recriminaram em 26 de maio e 30 de junho? Que tal provarem que têm razão? Direto ao assunto. Inté. E só a verdade nos salvará.

Tendências: