As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Bolsonaro promete STF a Aras

Presidente bateu todos os recordes de descaramento ao prometer terceira vaga (de duas a que tem direito de indicar) do STF ao procurador-geral pelos excelentes serviços que lhe presta evitando que seja denunciado pelo PGR

José Nêumanne

30 de maio de 2020 | 17h26

Bolsonaro se ofereceu para visitar Aras na PGR “sobre” (como dizem Jair e Carlos, e não sob, o que seria correto) o pretexto de agradecer-lhe pelos bons préstimos. Foto: Leonardo Prado/PGR

Convivendo com a política e os políticos desde a infância, já vi muito cinismo por baixo dos panos. Nada do que testemunhei, contudo, chega ao descaramento da troca que Bolsonaro propôs ao procurador-geral da República (na prática puxa-saco oficial do presidente). Se este continuar fazendo um “bom trabalho” para evitar que ele, os filhos e os amigos sejam punidos pelo STF, pensará com carinho em seu nome para a terceira vaga a ser aberta no mesmo STF. Mas neste mandato só indicará dois ministros. Ele conta com a reeleição, pois no próximo mandato terá direito de indicar mais dois. Ou que algum dos nove remanescentes “desapareça” (o que lembra os desaparecidos da ditadura militar, que ele tanto venera, ou talvez, quem sabe, um novo método de execução das milícias que fazem parte de sua biografia). Com a PF sob controle de Alexandre Ramagem e a iniciativa de qualquer processo por crime comum ou de responsabilidade por conta de um candidato que ele já projetou para o topo da carreira, tudo estará sob seu absoluto controle. Direto ao assunto. Inté. E só a verdade nos salvará.

 

Para ver vídeo no YouTube clique aqui

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.