Bolsonaro passou a perna no STF

Moro recorreu do depoimento do presidente na PF sem que o procurador-geral Aras e seus advogados pudessem questioná-lo, pois simplesmente não foram sequer avisados

José Nêumanne

09 de novembro de 2021 | 18h22

Na ação que PF apura para STF sobre denúncia de Moro de tentativas do presidente de interferir na polícia judiciária, Bolsonaro depôs presencialmente sem convites a Aras e a advogados do ex-juiz. Foto: Alan Santos/PR

1 – #jairbolsonaro depôs no processo do PGR e do STF na PF sem presenças de advogados de Moro e de Aras, e ex-juiz recorrerá ao desrespeito absurdo. 2 – O depoimento é a prova definitiva de que presidente não tentou intervir politicamente na PF, interveio, como consta de artigo no #blogdoneumanne. 3 – #arthurlira usou um primo para repassar R$ 3,8 milhões do “bolsolão” para o prefeito de Barra de São Miguel, Alagoas, seu próprio pai, Benedito Lira. #joseneumanne, Direto ao Assunto. Inté. E só a verdade vai nos salvar.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.