Bolsonaro jogou Daniel aos leões

Deputado bolsonarista gravou vídeos insultando ministros do STF com a pretensão de chamar atenção e com isso reconquistar a simpatia do chefão, mas este não lhe deu a mínima atenção

José Nêumanne

19 de fevereiro de 2021 | 20h17

Apoiadores de Daniel Silveira hostilizaram um manifestante que trazia uma placa com o nome de Marielle Franco, em frente à sede da PF no Rio, onde deputado estava preso Foto: Wilton Júnior/Estadão

1 – O “Minto” entregou o desprezível Daniel (O quê, perguntou Fux ao proclamar a autorização da prisão do deputado federal bolsonarista por 11 a 0 no STF) à sanha de seus inimigos comuns, protagonizando a covardia da famiglia, da qual a exceção foi Eduardo, que anunciou que defenderá a liberdade de opinião dos representantes do povo. 2 – A volta de Chico Rodrigues, pilhado pela PF com dinheiro na cueca e acusado de furtar verbas para o combate à pandemia) é mais uma vergonha alheia. 3 – Se não fossem o ministro da Saúde e seu chefe, o País teria condição de imunizar toda a população brasileira maior de 18 anos até o meio do ano, garantiu fundador da Anvisa. Direto ao assunto. Inté. E só a verdade nos salvará.

Para ver vídeo no YouTube clique aqui

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.