Bolsonaro ameaça independência do TCU

Presidente planeja resistir à decisão de presidente, Ana Arrais, e corregedor do TCU, Bruno Dantas, que afastaram auditor que falsificou relatório da instituição com mentira sobre mortes por covid

José Nêumanne

12 de junho de 2021 | 22h06

Descendente de Bárbara Alencar, primeira presa política do Brasil, e de Miguel Arraes, mãe de Eduardo e avó de João Campos, Ana, presidente, e Bruno Dantas, corregedor, lideram resistência à sanha de Bolsonaro. Foto: Divulgação/TCU 2916

1 – Conheça a fascinante vida de #barbarapereiradealencar, primeira presa política do Brasil, heroína da #revolucaopernambucana e matriarca da família #alencar, a que pertence #anaarraes, presidente do #tcu, filha de #miguelarraes, mãe de #eduardocampos e avó de #joãocampos, prefeito de #recife. 2 – #jairbolsonaro quer intervir no #tcu, único órgão de controle do #brasil que não se subordina a ele, antecipando a aposentadoria do ministro #raimundocarrero para nomear um fiel apoiador para seu lugar. Veja neste vídeo como pode conseguir esse feito fundamental para seu #autogolpe. #joseneumannepinto. #diretoaoassunto. Inté. E só a verdade nos salvará.

Para ver vídeo no YouTube clique aqui

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.