A república da gambiarra
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

A república da gambiarra

Para se livrar de pena criminal, que merece receber por homicídio doloso, diretoria do Flamenga tenta transferir culpa até para chuva da noite anterior, o que não é lógico nem verdadeiro

José Nêumanne

10 Fevereiro 2019 | 13h53

Torcida chora, não pode ser privada de ver time atuar, mas não deve apoiar diretoria. Foto: Fábio Motta/Estadão

 

A diretoria do Flamengo quer escapar da responsabilidade criminal pelo incêndio do CT da Vargem Grande inculpando a culpa nas chuvas da noite anterior. Mentira. Não houve interrupções de eletricidade antes do curto-cicuito que ateou o fogo nos alojamentos dos garotos da base. O prefeito do Rio, Crivella, e o governador Witzel participam da farsa de um poder público que se acumplicia a dirigentes criminosos,  como os do clube, e nem procura consolar as vítimas de homicídios dolosos como esse. Se gostar deste vídeo, por favor, dê um like, compartilhe no Twitter e no Facebook, inscreva-se no meu canal e clique no sininho para ser avisado quando publicar os próximos. Direto ao assunto. Inté. E só a verdade nos salvará.

Para ver o vídeo no YouTube clique aqui