A hora da força
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

A hora da força

Contaminação das reivindicações dos caminhoneiros que bloquearam estradas por políticos radicais do Fora Temer, Intervenção Militar Já e Lula Livre passou a exigir de Temer imediato uso de força para liberar tráfego

José Nêumanne

29 Maio 2018 | 11h59

Caminhoneiros que não concordam com fim dos bloqueios trocam ideias nos pontos bloqueados. Foto: Felipe Rau/Estadão

O presidente da Associação Brasileira de Caminhoneiros, José da Fonseca Lopes, denunciou a presença de agitadores de grupos políticos radicais ameaçando caminhoneiros que ainda estão na estrada para dificultar a saída deles dos pontos de bloqueio. A denúncia não parece ser vazia, pois há algum tempo percebe-se a intromissão de reivindicações que nunca fizeram parte da pauta negociada com o governo, tais como redução dos preços de gasolina e etanol, “Fora Temer”, “Intervenção Militar Já” e “Lula Livre”. Chegou a hora de Temer provar que ainda comanda Forças Armadas, Polícia Rodoviária Federal e Polícia Federal para debelar esse incêndio com o uso da força, prendendo os recalcitrantes e restabelecendo o direito de ir e vir de todos nas rodovias.

(Comentário no Jornal Eldorado da Rádio Eldorado – FM 107,3 – na terça-feira 29 de maio de 2018, às 7h30m)

Para ouvir clique aqui e, em seguida, no play

Para ouvir Frete, de e com Renato Teixeira, clique aqui

 

Abaixo, os assuntos do comentário da terça-feira 29 de maio de 2018-05-28

 

1 – Haisem Tudo o que os caminhoneiros pediram lhes foi concedido de mão beijada pelo presidente Michel Temer. E agora eles estão querendo tabelamento da gasolina e do álcool, a derrubada do governo, Lula livre e a intervenção militar. Como reagir a essa nova “pauta” de reivindicações?

SON ORA_FONSECA 2905

 

2 – Carolina A Polícia Federal abriu inquéritos para apurar se está havendo realmente locaute das transportadoras de cargas neste movimento que aparece apenas sob o signo politicamente correto de uma pretensa greve de caminhoneiros autônomos. Você acha que esta é a hora de fazer isso?

 

3 – Haisem Reportagem de Vera Rosa no Estadão revela bastidores da crise no governo com a notícia de que a cúpula do governo admite que subestimou o movimento e agora teme que a situação tome as proporções de 2013, provocando uma comoção social que poria a estabilidade democrática em risco. Você acha que, de fato, chegamos a tal ponto?

SONORA_TEMER 2905

 

4 – Carolina Qual a semelhança entre o mitológico rei Pirro, cuja experiência militar iniciou uma tradição ancestral da vitórias relativas em guerras, e os grupos empresariais e políticos que comemoram o sufoco passado pelo governo Temer com o movimento dos caminhoneiros?

 

5 – Haisem Por que além da urgência para o projeto das reonerações das folhas de pagamentos das empresas, Executivo, Legislativo e Judiciário não fazem um pacto para economizar gastos e com isso evitar sobrecarregar o contribuinte com mais impostos numa carga tributária que já é reconhecidamente exagerada e opressiva?

 

6 – Carolina Por que a Petrobrás, que quase foi quebrada pela interferência dos governos petistas de Lula e Dilma, está agora vendo seu patrimônio despencar, embora a gestão de Pedro Parente venha sendo muito elogiada exatamente pela autonomia e pela reconquista do valor da empresa?

 

7 – Haisem Que motivos há para que especialistas em Direito questionem a legalidade da greve convocada pelos petroleiros de Paulínia para amanhã? O mesmo vale para a greve dos professores das escolas particulares

 

8 – Carolina Por que a delação de Leo Pinheiro, da OAS, personagem importante das reformas dos imóveis do ex-presidente Lula, emperrou durante dois anos e só agora parece estar chegando a uma solução viável, ao que parece uma notícia muito ruim para pelo menos 14 políticos enrolados nas investigações da Lava Jato?

 

SONORA Frete Renato Teixeira

https://www.youtube.com/watch?v=Jvtdb1jkwmQ