A cova de Dilma
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

A cova de Dilma

Dilma atribui impeachment a traição, mas, de fato, ela é que destruiu todas as pontes com quem se aproximou

José Nêumanne

11 de maio de 2016 | 12h08

Lira e Anastasia, presidente e relator da comissão do impeachment no Senado

Lira e Anastasia, presidente e relator da comissão do impeachment no Senado

No Dia D do julgamento do afastamento dela da Presidência, Dilma tem dirigido seu calão mais sujo aos traíras. É injusta, como de hábito. Foi ela quem cavou debaixo de seus pés a cova em que seu desgoverno está sendo sepultado sem honra nem pompa. Da petulância, da arrogância, do caráter mercurial, da burrice cavalar e do espírito antidemocrático exclusivo delas foi construído o rombo no qual afunda o País inteiro. O fato de madama não ter percebido ainda isso também depõe contra ela.

(Comentário no Estadão no Ar da Rádio Estadão – FM 92,9 – da quarta-feira 11 de maio de 2016, às 7h15m)

Para ouvir, clique na linha azul abaixo e, aberto o site da emissora, no play abaixo do anúncio em azul