As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Ufa, Banco Central autônomo, e daí?

Autonomia da maior autoridade financeira, pretendida há 30 anos, foi aprovada pela Câmara com apoio do Senado e, enfim, cumpre promessa de campanha do presidente,mas o que ganha o cidadão?

José Nêumanne

11 de fevereiro de 2021 | 12h29

Com autonomia há muito tempo desejada, BC ganhará ainda mais poder do que já tem, o que favorece corporação da instituição e o “mercado”, resta esperar para ver o que ganharã o cidadão. Foto: Antônio Cruz/Agência Brasil

A Câmara dos Deputados aprovou, por 339 votos a favor e 114, contra, o projeto de autonomia do Banco Central. Bandeira histórica do BC, discutida no Congresso há 30 anos, a proposta estabelece mandatos fixos e não coincidentes para os dirigentes da instituição. Também define como objetivo fundamental do BC assegurar a estabilidade de preços, mas fixa como um dos objetivos secundários fomentar o pleno emprego. O texto recebeu aval do Senado. Pelo projeto aprovado, o presidente do Banco Central e os oito diretores da instituição – responsáveis pela condução da política monetária (ou seja, o controle da inflação) – terão mandatos fixos de quatro anos. O novo Congresso bolsonarista, enfim, aprovou uma medida liberal prometida por Bolsonaro na campanha. Corporação e Guedes venceram uma. Ufa. E daí?

Assuntos para quinta-feira 11 de fevereiro de 2021

1 – Haisem – Banco Central ganha autonomia e diretoria terá mandato fixo e estabilidade – Esta é a manchete de primeira página da edição impressa do Estadão de hoje. Que importância terá esta mudança na economia e no cotidiano do cidadão brasileiro

2 – Carolina – Queda do varejo pode dar força a novo auxílio – Este é o título de uma chamada no alto da primeira página do jornal hoje. Quando será que terá fim esse vaivém sobre a medida mais relevante para o sustento de milhões de brasileiros pobres e a restauração da economia

3 – Haisem – Militares deixam combate a desmate – Este é o título de outra chamada de primeira página do Estadão de hoje. Que conseqüências essa medida terá, a seu ver, para recuperar a imagem do Brasil no exterior e sobre as Forças Armadas no País

4 – Carolina – Maioria do DEM não descarta apoio à reeleição – Este é o título de mais uma chamada de primeira página do jornal de hoje. Que conseqüências essa eventualidade poderá ter sobre o futuro do governo Bolsonaro e papelo do partido que tornou viável a governabilidade nos anos iniciais da redemocratização

5 – Haisem – Faculdades devem ficar apenas no ensino remoto – Este é o título de outra chamada de primeira página do Estadão de hoje. O que, em sua opinião, restará da educação no Brasil depois da passagem arrasadora da pandemia da covid, hein?

6 – Carolina – Deputados reagem à transferência da imprensa para o subsolo da Câmara – Este é o título de uma chamada de capa do Portal do Estadão agora. O que você tem a dizer sobre as eventuais conseqüências dessa providência tomada pelo presidente da Câmara, Arthur Lira

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.