Quem é mesmo bárbaro?

Marcos Guterman

04 de setembro de 2009 | 15h36


Festinha americana em Cabul: relax

A ONG Project on Government Oversight, que se dedica a investigar condutas inadequadas no governo americano, divulgou imagens chocantes dos seguranças da Embaixada dos EUA em Cabul. Contratados de uma firma privada, a ArmorGroup, eles são vistos nas imagens humilhando subordinados, em cenas de conotação sexual explícita, numa “festinha” no quartel que os abriga na capital afegã.

Uma das imagens mais inocentes pode ser vista acima, mas há um punhado delas, que estão neste link e que inspiram uma incômoda questão: como é que sociedades tão avançadas são capazes de se aviltar tanto quando estão em guerra?

Como se sabe, os americanos estão enfrentando enormes dificuldades na guerra contra o Taleban, e sua embaixada tem sido alvo freqüente de ataques, razão pela qual o escândalo promete ganhar proporções enormes. O Departamento de Estado diz que mandou investigar o caso.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.