Os protestos iranianos, agora no Google Maps

Marcos Guterman

25 de junho de 2009 | 01h39


Extrato dos mapas da repressão no Irã: itinerário do terror

Uma usuária do Google Maps, que se apresenta como Xárene Eskandar, está colocando no ar, diariamente, mapas com a localização dos protestos em Teerã e informações atualizadas sobre mortes, espancamentos e outros desdobramentos da crise.

Apesar de virtual, toda a tensão está ali.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.