O terrorista vegetariano

Marcos Guterman

25 de abril de 2009 | 00h52


Daniel San Diego na lista do FBI: direitos dos animais

O FBI anunciou nesta semana que incluiu em sua lista de “terroristas mais procurados” – aquela que tem Bin Laden – o americano Daniel Andreas San Diego, de 31 anos. San Diego, um ativista dos direitos dos animais, “deve ser considerado armado e perigoso”, segundo a polícia.

Ele é acusado de cometer atentados a bomba em laboratórios de San Francisco que usam animais em testes de medicamentos. Segundo o FBI, ataques de ativistas como San Diego já causaram prejuízos de US$ 110 milhões, em mais de 1.800 atos criminosos.

Acredita-se que San Diego esteja atualmente escondido na Costa Rica. O FBI, que oferece US$ 250 mil de recompensa, descreve o terrorista: é vegetariano e evitar usar ou consumir qualquer coisa feita a partir de animais.

Foto: Haraz N. Ghanbari/Associated Press

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.