Mexicanos abandonam o Eldorado

Marcos Guterman

29 de abril de 2012 | 10h00

Uma pesquisa do Pew Hispanic Center mostra que a entrada de mexicanos nos EUA está caindo, após 40 anos de imigração – há sinais de que o fluxo se inverteu, ou seja, mais mexicanos estão saindo dos EUA do que entrando. Para especialistas, esse dado indica um padrão que tende a se tornar permanente, relata o Washington Post.

Entre 2005 e 2010, cerca de 1,4 milhão de mexicanos foram dos EUA para o México, o dobro do registrado na década anterior. Por outro lado, o número de mexicanos que entraram nos EUA no período caiu para menos da metade dos 3 milhões que vieram entre 1995 e 2000. A população dos nascidos no México que vivem nos EUA, que atingiu o pico de 12,6 milhões em 2007, caiu para 12 milhões.

Especialistas sugerem que a redução se deu em razão do endurecimento da política anti-imigração, da crise econômica nos EUA e na queda da natalidade entre os imigrantes mexicanos. A tendência pode reduzir o peso que o discurso contra a imigração ilegal tem no universo político americano, notadamente entre os republicanos.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.