Em Utah, o dióxido de carbono não faz mal nenhum

Marcos Guterman

20 de fevereiro de 2010 | 10h00

A Câmara de Utah, Estado americano ultra-republicano, aprovou resolução em que condena os “alarmistas do clima”, dizendo que o dióxido de carbono é “essencialmente inofensivo” para os humanos e bom para as plantinhas, mostra o Guardian.

Segundo os deputados locais, os cientistas que alertam sobre o aquecimento global fazem parte de uma “conspiração” para manipular dados sobre temperaturas e, no esforço de conter as emissões de gases tóxicos, “condenar bilhões de seres humanos à pobreza”.

Mais conteúdo sobre:

aquecimento global