É possível melhorar o Google?

Marcos Guterman

12 de agosto de 2009 | 00h11

O Google anunciou que está em fase de testes seu novo motor de busca, batizado de “Cafeína“. Segundo a empresa, ele é mais rápido e mais preciso do que o mecanismo anterior.

O anúncio coincide com o lançamento do Bing, tentativa patética da Microsoft de competir com o Google. Com o “Cafeína”, o Google quer mostrar o óbvio: que seu único competidor é ele mesmo.

Tendências: