Crescimento econômico? Só para os ricos

Marcos Guterman

01 de novembro de 2008 | 00h15

Levantamento da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico, que inclui os países mais desenvolvidos do mundo, mostra que o fosso entre ricos e pobres aumentou em 75% dos integrantes do grupo nos últimos 20 anos.
Segundo o estudo, o crescimento econômico verificado nesse período beneficiou mais os ricos que os pobres. Em alguns países, como EUA, Canadá e Alemanha, a diferença aumentou inclusive entre ricos e a classe média.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.