Conspiração no Vaticano

Marcos Guterman

20 de fevereiro de 2012 | 10h00

O clima atual no Vaticano é de conspiração, mostra o jornal espanhol El País. A reportagem relata o vazamento de uma denúncia de corrupção e mesmo de um complô para matar o papa Bento 16, o que sinalizaria uma disputa intestina pelo poder na Santa Sé.

Aos 85 anos e doente, Bento 16 é um “humilde pastor que não recua diante dos lobos”, segundo um editorial publicado no Osservatore Romano. Os “lobos” estariam interessados em recolocar um italiano na cadeira de Pedro, o que não acontece desde 1978. Seria um papa que, sugere o El País, refreasse a reforma que Bento 16 promoveu ao impor mais transparência nas contas do Vaticano e ao abrir a Igreja ao escrutínio em meio ao escândalo de pedofilia.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.