Bonapartismo no último

Marcos Guterman

25 de novembro de 2010 | 23h24

 

“Dilminha, na hora do aperto, quando a coisa tiver ficando feia, não vacile, vai para perto do povo. Não tenha medo. Quando não souber o que fazer, pergunte ao povo. Na dúvida, o povo é a solução. Eu nunca tive decepção com o povo”

 

PRESIDENTE LULA, ao admitir que a “coisa” pode “ficar feia” no governo Dilma. Se isso acontecer, ensina o mestre que o melhor a fazer é ignorar as instituições democráticas e apelar diretamente ao “povo”.

Tudo o que sabemos sobre:

Dilma RousseffLula

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.