A vida começa num McDonald’s

Marcos Guterman

16 de outubro de 2010 | 00h15

A rede McDonald’s em Hong Kong está oferecendo suas lanchonetes para a realização de casamentos. Os casais interessados pagam o equivalente a R$ 660 para ter direito a recepção, cerimônia e bolo para 100 convidados – que, se quiserem um Big Mac, terão de entrar na fila para comprar.

Para Helen Cheung, diretora do McDonald’s, a ideia surgiu naturalmente: “Os clientes diziam que se conheceram aqui, que namoraram aqui e que gostariam de se casar aqui. Vimos nisso uma oportunidade de negócio”.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.