A nem tão dolce vita de Berlusconi

Marcos Guterman

13 Maio 2010 | 00h14

Após reunião cara a cara, que durou cinco horas, o primeiro-ministro da Itália, Silvio Berlusconi, aceitou entregar sua casa de campo perto de Milão à ex-mulher Veronica Lario, no acordo de divórcio. A modesta propriedade está avaliada em 70 milhões de euros. Em troca, conta o Independent, Veronica aceitou reduzir drasticamente o valor da pensão mensal que exigia de Berlusconi – a quem acusa de ter tido casos extraconjugais com garotas menores de idade (uma delas o chamava de “papai”). Em vez dos 3,5 milhões de euros, Veronica receberá “apenas” 300 mil.

Mais conteúdo sobre:

ItaliaSilvio Berlusconi