A inventiva culinária americana – Parte 2

Marcos Guterman

07 de abril de 2010 | 10h34

O monstruoso

O monstruoso "Wicked"

Ainda na série “alimentação saudável nos EUA”: um sujeito chamado Chad Ettmuller deslocou a mandíbula ao abrir a boca para tentar morder um sanduíche gigantesco numa lanchonete do Estado americano da Geórgia.

A iguaria, chamada “Wicked” (“terrível”), é servida na rede de lanchonetes Which-Wich. Leva cinco tipos diferentes de carne e três de queijo. Como estava com muita fome, Ettmuller achou que devia pedir um duplo Wicked. O desastre era inevitável, e o infeliz foi levado ao hospital, onde permaneceu 14 horas com a boca aberta, até que os médicos conseguissem colocar sua mandíbula no lugar.

Ettmuller, no entanto, decepcionou os advogados que esperavam ansiosos pela ação que ele poderia mover contra a Which-Wich. “Não foi culpa do sanduíche, foi culpa da minha genética”, explicou ele, que não quis nem que a rede de lanchonetes pagasse o tratamento médico. A empresa, agradecida, deu a Ettmuller tantos milk-shakes quantos ele possa beber e tantos sanduíches quantos possa comer.

Tudo o que sabemos sobre:

Alimentaçãojunk food

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.