A imprensa golpista não poupa nem o Carnaval

Marcos Guterman

19 de fevereiro de 2012 | 19h45

Alguns blogs “progressistas” manifestaram indignação com a cobertura do desfile da Gaviões da Fiel, na madrugada de sábado no Anhembi. Como se sabe, a escola homenageou Lula, “o retrato de uma nação”.

Um dos blogueiros, que considerou o desfile “impecável”, ficou perplexo com a pontuação dada pela Globo, em votação feita por telespectadores. Segundo essa enquete, a Gaviões teria ficado em sétimo lugar. Para o blogueiro, a Globo só pode ter manipulado a enquete, porque é impossível que o povo todo não tenha urrado de gozo na passagem da escola de samba que homenageava o maior presidente que o mundo já viu. Quem não gostou é, por definição, golpista.

Outro blogueiro sugeriu que os colunistas da Folha que esculhambaram o desfile, como Vinicius Torres Freire e Josias de Souza, só o fizeram porque “temem o mito” de Lula. “É uma mídia vagabunda, anti-Brasil”, escreveu um terceiro “progressista“. É cristalino: não se trata de uma crítica ao que a Gaviões apresentou na avenida, e sim a Lula e ao que ele representa. São uns demófobos, esses colunistas. Eles não entenderam que os santos e seus hagiógrafos jamais podem ser criticados.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.