A criatividade dos terroristas

Marcos Guterman

01 de setembro de 2009 | 10h38

Na última sexta-feira, o príncipe saudita Mohammed bin Nayef foi alvo de um atentado a bomba. O terrorista enganou a vigilância e entrou no jato de Nayef, explodindo-se em meio aos seguranças. A Al Qaeda reivindicou a autoria da ação, que feriu o príncipe.

Segundo a TV Al Arabiya, o terrorista conseguiu burlar os equipamentos de detecção porque escondeu os explosivos no ânus.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.