As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Tucano anuncia saída do PSDB

Julia Duailibi

04 de fevereiro de 2013 | 15h14

Militante histórico do PSDB, ligado a Mario Covas, João Câmara, vice-presidente municipal do partido, anuncia na noite de hoje de deixará a legenda. Ele deverá fazer um pronunciamento expondo suas razões no encontro municipal do PSDB, no Sindicato dos Engenheiros, no centro da capital paulista.

Câmara disse a interlocutores estar insatisfeito com os rumos do PSDB. Em 2012, chegou a renunciar à vice-presidência após manobra da direção para alterar a data das prévias, permitindo que o então pré-candidato do partido à Prefeitura, José Serra, entrasse na disputa interna com tempo hábil para fazer campanha entre a militância.

Câmara, que é próximo do secretário José Aníbal (Energia), outro covista, reclamou do processo eleitoral de 2012. Para ele, na ocasião, a campanha de Serra teria escondido do material de campanha não só a sigla PSDB como o tucano, símbolo do partido. Ele é um dos integrantes do PSDB que apoiaram Geraldo Alckmin na eleição municipal de 2008 contra o candidato à reeleição Gilberto Kassab, então no DEM, que contava com o apoio do grupo de Serra.

 

Tudo o que sabemos sobre:

CâmaraJoãopréviasPSDBSerra

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.