As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Sem resposta

Julia Duailibi

30 de agosto de 2012 | 18h40

A Prefeitura informou, por meio da assessoria de imprensa, que não responderá a questionamentos do Estado sobre o acesso ao prontuário do caminhoneiro José Machado, que apareceu em programa do PT na semana passada reclamando do atendimento para curar um problema de catarata.

Amparado pela lei 12.527/2011, que prevê o acesso a informações da administração por parte do cidadão, o Estado questionou a Prefeitura sobre quem teve acesso ao prontuário e para quais pessoas ele foi divulgado. A administração municipal informou, no entanto, que não pretende conceder as informações.

 

Tudo o que sabemos sobre:

HaddadleiprefeituraprontuárioPTsigilo

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.