Reabilitação malufista
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Reabilitação malufista

Julia Duailibi

13 de julho de 2012 | 15h39

Se o apoio de Paulo Maluf (PP) a Fernando Haddad (PT) causou estrago na campanha a prefeito do petista – a desistência da deputada Luiza Erundina (PSB) de concorrer como vice foi a mais evidente -, trouxe alguns benefícios também. Mas para o ex-prefeito, é claro.

Pesquisas qualitativas semanais realizadas em grupos de 25 pessoas, das classes C e D, por um partido que tem candidato a prefeito de São Paulo, mostraram uma reabilitação de Maluf entre os mais conservadores e um empoderamento dos malufistas diante dos demais eleitores.

Antes da foto em que Maluf apareceu ao lado do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no anúncio do apoio do PP ao PT, os eleitores malufistas tendiam a esconder a preferência pelo ex-prefeito durante as conversas com os demais eleitores, mediadas por pesquisadores. Muitas vezes se manifestavam só no final do debate, dizendo discretamente que já haviam votado em Maluf, mas que não votavam mais.

Agora, Maluf aparece reabilitado por seus “ex-eleitores'”. Os seus simpatizantes já têm se manifestado logo no começo das discussões de grupo, dizendo frases como: “O Maluf que é esperto” ou “Ele é danado”. Sempre em referência à foto com Lula. Para os pesquisadores, é a volta de um certo orgulho de ser malufista…

Tudo o que sabemos sobre:

fotoLulaMalufmalufistasorgulho

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.