As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Em dia de festa do PT, Campos faz giro por Pernambuco

Julia Duailibi

20 de fevereiro de 2013 | 17h08

O governador de Pernambuco, Eduardo Campos, potencial candidato do PSB à Presidência da República em 2014, cumpre agenda pelo interior de seu Estado, no dia em que o PT faz evento em São Paulo para comemorar os 10 anos no governo federal. Campos foi convidado para o encontro, assim como outros integrantes da base governista. O presidente do seu partido, Roberto Amaral, por exemplo, deve comparecer.

Campos está hoje no agreste pernambucano, em Timbaúba, para cerimônia de entrega de casas populares. No final da tarde, vai a Caruaru, onde haverá missa de sétimo dia pela morte do ex-ministro Fernando Lyra. Amanhã e depois, o governador participa de seminário com os 184 prefeitos de Pernambuco em Gravatá.

No evento do PT, Campos encontraria o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a presidente Dilma Rousseff. Na semana passada, integrantes do PSB disseram que o governador iria avisar Lula que pretende disputar mesmo a Presidência em 2014. A ausência de Campos num evento considerado importante para o PT dá gás à tese dos que defendem que o pernambucano tem projeto político próprio na próxima eleição presidencial.

 

 

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.