Mais da pesquisa no DF

João Bosco Rabello

24 de dezembro de 2009 | 17h33

Recentemente divulguei aqui os dados da pesquisa eleitoral encomendada pelo PT após o escândalo que atingiu o governo do DF. Registrei os dados de aprovação a Roriz e Arruda, por serem mais impressionantes.

Com razão, os índices de 34,4% para Roriz e 20,1% para Arruda,  (mesmo fora da disputa de 2010), nos levam a perguntar que eleitores são esses. Bem, não são maioria, embora assustem mesmo como minorias.

Mas vamos a outros dados da pesquisa. O Instituto Dados apurou que 98,5% da população conhecem as denúncias contra Arruda, que 82,1% acham que ele é culpado e 67,1% não votariam nele.

Já 61,9% dos entrevistados acham que a corrupção de hoje começou no governo Roriz; 24,3%, que não; e 34,3% votariam nele. O ex-ministro Agnelo Queiroz vem em terceiro, com 16%.

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.