Veja o ’95º deputado’ da Assembleia de São Paulo fugindo da PF

Veja o ’95º deputado’ da Assembleia de São Paulo fugindo da PF

Imagens de circuito interno do prédio no Itaim mostram André Pinto Nogueira, eminência do Legislativo paulista, escapando da Operação Círculo Vicioso, segunda fase da Operação Tritão, que desmontou esquema de fraudes a licitações e desvios no porto de Santos

Luiz Vassallo

22 de agosto de 2019 | 15h14

Imagens de circuito interno do prédio no Itaim, em São Paulo, onde mora André Pinto Nogueira, ex-assessor da Assembleia Legislativa, mostram como ele fugiu da Polícia Federal, por volta de 6h da manhã desta quinta, 22, antes de a Polícia Federal bater à sua porta munida de ordem para sua prisão temporária. Nogueira é um dos alvos da Operação Círculo Vicioso, segunda fase da Operação Tritão, que mira supostas fraudes a licitações e desvios que superam R$ 100 milhões no porto de Santos.

André Pinto Nogueira é investigado por suposto acerto de fraudes em contratos do porto que envolveram outra funcionária da Assembleia. Ele também é alvo de outro inquérito, do Ministério Público Estadual, em que está sob suspeita de operar desvios de salários de servidores e abastecer deputados do DEM.

Reprodução

Influente, é conhecido como o ’95.º deputado’ – a Assembleia paulista tem 94 parlamentares. Ele chegou a ser chefe do departamento que controla as compras da Casa.
Nogueira deixou sua casa antes de os agentes chegarem, logo cedo, em um carro que não era seu, e levando consigo uma mochila.

As imagens resgatadas mostram, ao fundo, um funcionário do prédio e agentes da PF. “Parece que ele está pegando alguma coisa do chão, uma mala, né?”, questiona o federal.

“Ele tá indo pra pegar o carro”, diz o porteiro.

“Geralmente, ele não sai às 6h da manhã. Ele sai às oito, oito e meia, é isso?”, questiona o agente. “Hoje, ele resolveu sair cedo. Olha aí, está com uma mochila.”

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: