Receita pega pistolas e munições dentro de sofá no porto de Santos

Receita pega pistolas e munições dentro de sofá no porto de Santos

Bagagem desacompanhada estava em um contêiner procedente dos EUA

Redação

19 de março de 2019 | 12h45

FOTOS: RECEITA

A Alfândega da Receita do porto de Santos, no litoral de São Paulo, localizou, no final da tarde de segunda, 18, armas escondidas em uma bagagem desacompanhada vinda do exterior.

A bagagem desacompanhada é aquela trazida ao País ou enviada ao exterior na condição de carga, amparada por conhecimento de transporte ou documento de efeito equivalente.

Foto: Receita

Equipes da Alfândega de Santos localizaram, em uma bagagem desacompanhada, duas armas curtas: uma pistola Smith & Wesson SD9 VE, 9mm, acompanhada de dois carregadores e de 100 cartuchos de 9mm; e uma pistola Phoenix Arms, 22 Long Rifle, com dois carregadores e de 100 cartuchos 22.

A Assessoria de Comunicação Institucional da Receita informou que as armas estavam escondidas no interior de um sofá, envoltas em papel alumínio, dentro de um contêiner proveniente dos Estados Unidos.

A seleção da carga para conferência foi resultado da análise de risco baseada em critérios específicos, inclusive fazendo o uso de imagens não intrusivas (obtidas através do escaneamento de contêineres).

As armas e munições localizadas pela Receita Federal foram entregues à Delegacia de Polícia Federal de Santos, que prosseguirá com as investigações.

Tudo o que sabemos sobre:

Receita FederalPorto de SantosArma

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: