Receita pega no porto de Santos meia tonelada de cocaína em carga de suco de laranja exportação

Receita pega no porto de Santos meia tonelada de cocaína em carga de suco de laranja exportação

Droga oculta em três contêineres seria embarcada neste domingo, 30, com destino ao porto de Roterdã, na Holanda

Pepita Ortega

01 de julho de 2019 | 12h21

Apreensão de 523Kg de cocaína no porto de Santos. Foto: Receita Federal

Agentes da Alfândega da Receita no porto de Santos frustraram o envio a a Roterdã, na Holanda, de mais de meia tonelada de cocaína em um contêiner com uma carga de tambores de suco de laranja congelado.

A localização da droga ocorreu durante ação rotineira de vigilância, neste domingo, 30, abrangendo monitoramento por câmeras interligadas à Central de Operações e Vigilância (COV) da Alfândega de Santos, inspeção de servidores no local para verificação de campo e utilização de cães de faro, ‘que possibilitaram a identificação de um contêiner com indícios de violação’.

Apreensão de 523Kg de cocaína no porto de Santos. Foto: Receita Federal

Segundo informou a Assessoria de Comunicação Institucional da Alfândega da Receita do porto de Santos, a droga – 523 quilos de cocaína – estava oculta em três contêineres, cujo destino final seria o porto de Roterdã. No contêiner ‘contaminado’, foram encontradas, junto à porta, 12 bolsas contendo tabletes de cocaína.

Segundo a Receita, pela disposição das bolsas no interior do contêiner, suspeita-se da técnica criminosa denominada ‘rip-on, rip-off’, em que a droga é inserida em uma carga lícita sem o conhecimento dos exportadores e importadores.

Apreensão de 523Kg de cocaína no porto de Santos. Foto: Receita Federal

A droga interceptada ficará sob a guarda da Delegacia de Polícia Federal de Santos, que prosseguirá com as investigações.

Apreensões de drogas no porto de Santos nos últimos anos:

  • 2016 – 10.622 kg
  • 2017 – 11.540 kg
  • 2018 – 23.119 kg
  • 2019 – 12.196 kg

Tudo o que sabemos sobre:

Receita FederalCocaína

Tendências: