Receita pega 363 quilos de cocaína em tambores com óleo de laranja no porto

Receita pega 363 quilos de cocaína em tambores com óleo de laranja no porto

Nova grande apreensão de entorpecente em Santos, no litoral paulista, impede partida de carregamento para Antuérpia, na Bélgica

Redação

07 Dezembro 2018 | 18h15

Carga de óleo de laranja prestes a ser exportada para a Bélgica. Foto: Receita Federal / Divulgação

A Alfândega da Receita do Porto de Santos encontrou 363 kg de cocaína escondidos em uma carga de óleo de laranja prestes a ser exportada para a cidade de Antuérpia, na Bélgica.

A carga foi selecionada por meio de critérios objetivos de análise de risco e inspeção não intrusiva. Houve, também, a sinalização positiva do cão de faro, informou a Assessoria de Comunicação Institucional da Receita.

Em um contêiner carregado com tambores metálicos contendo óleo de laranja, foram identificados dois tambores com padrão e cor diferentes dos demais e um terceiro, no mesmo padrão da carga lícita, mas com a tampa aberta.

No interior desses tambores, foram encontrados vários tabletes de cocaína, cobertos com sacos de açúcar reciclados, além de um pouco de água misturada com resíduos do produto exportado.

O peso total dos tabletes atingiu 363 kg. A carga estava prestes a ser embarcada em um navio destinado ao porto de Antuérpia, na Bélgica.