Receita e PF pegam mais de uma tonelada de cocaína ‘exportação’ no porto de Santos

Receita e PF pegam mais de uma tonelada de cocaína ‘exportação’ no porto de Santos

Droga estava oculta em uma carga de madeira com destino à Bélgica e em uma carga de grafite que seria embarcada para a Holanda

Pedro Prata

14 de fevereiro de 2020 | 18h36

Durante ações conjuntas nesta sexta, 14, a Receita e a Polícia Federal apreenderam 1.113 quilos de cocaína no porto de Santos. As apreensões ocorreram em duas exportações distintas – a primeira, uma carga de madeira com destino ao porto de Antuérpia (Bélgica), na qual foram encontrados 478 quilos; e a segunda, uma carga de grafite com destino ao porto de Roterdã (Holanda), com 635 quilos de cocaína escondidos.

Foto: Receita/Divulgação

A seleção dos contêineres para conferência foi feita através critérios objetivos de análise de risco, incluindo a inspeção não intrusiva por escâner, informou a Assessoria de Comunicação Institucional da Alfândega.

Foto: Receita/Divulgação

Houve indicação positiva para presença de drogas do cão de faro da Receita, aumentando as suspeitas, confirmadas após a inspeção das cargas e a localização dos entorpecentes.

Foto: Receita/Divulgação

A droga apreendida foi entregue à guarda da Delegacia da PF em Santos, que prosseguirá com as investigações.

Foto: Receita/Divulgação

Foto: Receita/Divulgação

Foto: Receita/Divulgação

Foto: Receita/Divulgação

Foto: Receita/Divulgação

Tudo o que sabemos sobre:

Receita FederalPolícia Federal

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.