Ratos na CPI da Petrobrás mobilizam redes sociais

Ratos na CPI da Petrobrás mobilizam redes sociais

Internautas 'apoiam' servidor que soltou roedores no plenário da Câmara, onde tesoureiro do PT presta depoimento a parlamentares sobre denúncias de corrupção

Redação

09 Abril 2015 | 16h38

Atualizada às 19h34

Os cinco roedores jogados no plenário da CPI da Petrobrás onde o tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, depõe nesta quinta-feira, 9, provocou forte repercussão nas redes sociais. Internautas, entre ironias e chacotas, prestaram solidariedade aos dois ratos, dois hamsters e um esquilo da Mongólia que deslizaram pelo tapete verde da sala dos deputados.

O funcionário Márcio Martins de Oliveira foi detido pela Polícia Legislativa. Ele ocupava cargo de confiança desde o dia 9 de março na segunda vice-presidência da Câmara, do deputado Giacobo (PR-PR) e será exonerado.

ASSISTA AO VÍDEO:

VEJA A REAÇÃO DE ALGUNS INTERNAUTAS NAS REDES: 

 

 

 

 

 

______________________________

VEJA TAMBÉM:

+ ANÁLISE: Os ratos e a República

______________________________