Quadro de saúde de Toffoli é estável, mas não há previsão de alta

Quadro de saúde de Toffoli é estável, mas não há previsão de alta

Presidente do Supremo Tribunal Federal, diagnosticado com pneumonite, foi internado no domingo, 9, mas passa bem, segundo boletim médico

Redação

10 de agosto de 2020 | 17h43

O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli. Foto: Fellipe Sampaio /STF

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, segue internado no Hospital DFStar, em Brasília, ainda sem previsão de alta, segundo informou a assessoria de comunicação da unidade de saúde nesta segunda, 10.

O boletim médico divulgado na tarde de hoje diz que o ministro foi diagnosticado com pneumonite por hipersensibilidade ou alérgica e que seu quadro de saúde é estável.

“Após exames iniciais, a equipe médica tem como principal hipótese a pneumonite por hipersensibilidade ou alérgica. O ministro encontra-se no quarto e passa bem, mas ainda sem previsão de alta”, informaram o pneumologista João Pantoja, a cardiologista Ludhmila Abrahão Hajjar e o diretor-geral do hospital Pedro Henrique Loretti.

Toffoli deu entrada no hospital no domingo, 9, mas o Supremo logo informou que ele deve seguir trabalhando, sem ficar de licença médica.

Tudo o que sabemos sobre:

Dias Toffoli

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: