Promotoria põe Operação Apaniguados na caça de 5 por fraudes em concursos no interior de São Paulo

Promotoria põe Operação Apaniguados na caça de 5 por fraudes em concursos no interior de São Paulo

Investigação cumpre cinco mandados de prisão temporária e 13 de busca e apreensão em nove cidades do interior de São Paulo

Pepita Ortega

07 de outubro de 2019 | 12h05

A Operação Apaniguados tem como base a Promotoria de Justiça de Macatuba. Foto: Google Maps

O Ministério Público de São Paulo deflagrou nesta segunda, 7, a Operação Apaniguados, para desarticular um grupo criminoso supostamente especializado em fraudar concursos públicos. As ações são realizadas em nove cidades do interior de São Paulo e apuram crimes de fraude à licitação, fraude a concurso público, falsidade ideológica e corrupção.

A operação tem como base a Promotoria de Justiça de Macatuba. O município fica a cerca de 300 km de São Paulo e tem população estimada de 17,1 mil habitantes.

Agentes do Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado do Ministério Público cumpriram cinco mandados de prisão temporária e 13 mandados de busca e apreensão em Campinas, Jaguariúna, Cosmópolis, Santo Antônio de Posse, Cordeirópolis, Nova Odessa, Holambra, Macatuba e Votuporanga.

Após quatro meses de investigação, a Promotoria identificou que agentes públicos participavam diretamente do esquema, indicando candidatos que foram favorecidos nos concursos fraudados.

Além disso, foi apurado que o grupo pagava propina a um agente público envolvido nos crimes.

Tendências: