Procon proíbe McDonald’s de vender McPicanha sem picanha: ‘Indução a erro’

Procon proíbe McDonald’s de vender McPicanha sem picanha: ‘Indução a erro’

Decisão já vale a partir desta quinta-feira, 28, no Distrito Federal; órgão vê propaganda enganosa

Rayssa Motta

28 de abril de 2022 | 17h21

O McDonald’s está proibido de vender os sanduíches McPicanha em todo o Distrito Federal. A decisão administrativa é do Procon-DF e, segundo o órgão, começa a valer já nesta quinta-feira, 28.

Apesar do nome, a nova linha de hambúrgueres, anunciada no início do mês pela rede de fast food, não tem picanha na composição, o que levou o Procon-DF a proibir a comercialização até a ‘correção total da publicidade’. A avaliação do órgão é a de que houve propaganda enganosa.

Na campanha de divulgação dos novos sanduíches, o McDonald’s anunciou: “Produtos McPicanha: Picanha Salada Bacon e Picanha Cheddar Bacon. Hambúrguer 100% bovino com molho sabor picanha”.

Se não houver ajustes, o Procon-DF diz que pode multar a empresa, apreender os sanduíches e até suspender o funcionamento das unidades na capital federal.

“Na publicidade não há informação clara de que o hambúrguer contém qualquer porcentagem do corte bovino picanha. Então, a forma como o McDonald’s usa o nome ‘picanha’ em seu produto e na divulgação da campanha publicitária do sanduíche induzem ao entendimento de um produto composto pelo corte de carne picanha. Isso induz o consumidor ao erro”, explica o diretor-geral do Procon Marcelo Nascimento.

A rede também recebeu notificações do Procon em São Paulo e do Ministério da Justiça para explicar a linha linha de sanduíches. Além disso, o Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar) decidiu investigar a campanha publicitária.

O Ministério da Justiça informou que a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) deu dez dias para o McDonald’s enviar os primeiros esclarecimentos. O Conar também foi procurado para informar se sabia da ‘possibilidade de falsa propaganda’.

“Caso seja comprovada a falta de transparência com o consumidor, existe a possibilidade de apreensão, suspensão e proibição do produto, multa ou até mesmo a cassação da licença do estabelecimento”, afirma a pasta.

COM A PALAVRA, O MCDONALD’S

“A rede esclarece que a plataforma recém-lançada denominada “Novos McPicanha” tem esse nome justamente para proporcionar uma nova experiência ao consumidor, ao oferecer sanduíches inéditos desenvolvidos com um sabor mais acentuado de churrasco. Para isso, os lançamentos trazem a novidade do exclusivo molho sabor picanha (com aroma natural de picanha), uma nova apresentação e um hambúrguer diferente em composição e em tamanho (100% carne bovina, produzido com um blend de cortes selecionados e no maior tamanho oferecido pela rede atualmente). Lamentamos que a comunicação criada sobre os novos produtos possa ter gerado dúvidas e informamos que haverá novas peças destacando a composição dos sanduíches de maneira mais clara.”

Tudo o que sabemos sobre:

ProconmcdonaldsDistrito Federal [Brasil]

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.