Polícia prende pizzaiolo que passou notas falsas de R$ 50 compradas no Paraguai

Polícia prende pizzaiolo que passou notas falsas de R$ 50 compradas no Paraguai

Morador da cidade de Assis, a 547 km de São Paulo, investigado confessou a compra de R$ 1 mil em notas falsas pelo valor de R$ 200

Pedro Prata

30 de agosto de 2019 | 07h30

Policiais civis de Assis, no interior de São Paulo, prenderam em flagrante um pizzaiolo que passou notas falsas de R$ 50 em três cidades da região.

O suspeito confirmou a compra de R$ 1 mil em notas falsas no Paraguai. Foto: Polícia Civil/Divulgação

O investigado foi levado à Delegacia de Polícia Federal de Marília e autuado em flagrante.

Os policiais foram chamados a um estabelecimento comercial para averiguar a denúncia de que um homem teria fornecido notas falsas.

O suspeito é pizzaiolo desempregado. Ele confirmou que havia comprado R$ 1 mil em notas falsas no Paraguai pelo valor de R$ 200, e as passou em Assis, Cândido Mota e Tarumã.

Tudo o que sabemos sobre:

Polícia FederalCândido Mota [SP]

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: