PF prende na Baixada Fluminense traficante do Cartel de procurado pela Interpol

PF prende na Baixada Fluminense traficante do Cartel de procurado pela Interpol

Mandado de prisão preventiva para fins de extradição foi cumprido neste domingo, 2, contra colombiano de 36 anos condenado por associação criminosa e tráfico de drogas por enviar entorpecentes de Medellín para a Flórida; segundo as autoridades dos EUA, mesmo foragido, o preso coordenava a logística da compra, venda e transporte de cocaína, morfina, heroína e metanfetamina

Redação

03 de maio de 2021 | 09h07

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

A Polícia Federal prendeu na manhã deste domingo, 2, um colombiano de 36 anos condenado pelos crimes de associação criminosa e tráfico de drogas por enviar entorpecentes de Medellín, na Colômbia, para a Flórida, nos Estados Unidos, entre 2015 e 2016. O homem foi localizado em sua residência em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, e seu nome constava na lista da Difusão Vermelha da Interpol.

Segundo a corporação, as autoridades dos EUA informaram que, mesmo foragido, o preso coordenava a logística da compra, venda e transporte de cocaína, morfina, heroína e metanfetamina e recebia ‘vultosa quantia’ em razão de todo o processo logístico.

O Pedido de Prisão Preventiva para fins de Extradição foi formulado pelo Escritório Central Nacional da Interpol em Brasília com base nas informações da Difusão Vermelha incluídas pelas autoridades da Flórida.

O mandado de prisão preventiva para fins de extradição foi expedido pelo Supremo Tribunal Federal. Segundo a PF, após as formalidades, o colombiano será encaminhado ao sistema prisional carioca até a extradição definitiva para os Estados Unidos.

A localização e prisão do estrangeiro foi realizada pelos policiais federais lotados no Núcleo de Cooperação Policial Internacional (Interpol/RJ), com apoio da equipe da PF lotada no Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE/PF) e do Centro de Cooperação Policial Internacional do RJ.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.