PF prende em Natal eslovaco procurado pela Interpol

PF prende em Natal eslovaco procurado pela Interpol

Economista sob suspeita de gestão fraudulenta em seu país vive no Brasil desde 2008

Redação

20 de setembro de 2015 | 15h30

 

interpol2

Por Fausto Macedo e Julia Affonso

A Polícia Federal prendeu na noite deste sábado, 19, em Natal, um economista natural da República Eslovaca, de 44 anos, em cumprimento de um mandado de prisão expedido para fins de extradição pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

Há duas semanas os policiais do Núcleo de Operações e do Grupo Especial de Capturas (GECAP) investigavam o paradeiro de Kamil Vadovic, que figurava na Difusão Vermelha da Interpol e era procurado em todo o mundo.

O eslovaco vive no Brasil desde 2008. Foi localizado por volta das 19 horas no estacionamento de um supermercado na Zona Sul de Natal.

Segundo a PF, Kamil Vadovic foi levado para a superintendência da corporação, ‘ficou bastante agitado e chegou a provocar uma autolesão, sendo conduzido de imediato para o Hospital Walfredo Gurgel, onde apresentou idêntico comportamento, foi medicado e teve que ficar internado, em observação’.

O estrangeiro é suspeito, em seu país de origem, de ter praticado gestão fraudulenta em instituição financeira, cujo crime teria ocorrido em 2001. Vadovic vai permanecer sob custódia da PF, à disposição do Supremo Tribunal Federal, até que seja concluído o seu processo de extradição.

Somente este ano, a Polícia Federal já prendeu no Rio Grande do Norte, um total de 6 estrangeiros foragidos de seus países que eram procurados pela Interpol.

Tudo o que sabemos sobre:

Polícia Federal

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.