PF prende boliviano por trabalho escravo de adolescente de 16 anos em oficina de costura de Guarulhos

PF prende boliviano por trabalho escravo de adolescente de 16 anos em oficina de costura de Guarulhos

Após prisão do homem, menor foi entregue ao Conselho Tutelar; ele disse estava com medo, pois seria levado a um acampamento

Pepita Ortega

05 de julho de 2019 | 10h44

PF prende bolivariano que era dono de uma oficina de costura localizada em Guarulhos. Foto: Policia Federal

A Polícia Federal prendeu na noite desta quinta, 4, um boliviano dono de uma oficina de costura localizada em Guarulhos, na Grande São Paulo. Um adolescente de 16 anos, também boliviano, era mantido no local ‘sob jornada exaustiva e condições degradantes de trabalho’, indicou a PF.

Durante a operação, o adolescente conseguiu enviar sua localização aproximada para seu pai, na Bolívia, por meio de aplicativos de mensagens. O menino disse estava com medo, pois seria encaminhado para um acampamento, segundo a PF.

Após a prisão do homem e com o fim dos trâmites médicos e administrativos, o menor foi entregue ao Conselho Tutelar.

A Polícia Federal destacou que o boliviano foi preso com base no artigo 149 do Código Penal, por reduzir alguém a condição análoga a de escravo. A tipificação prevê pena de 2 anos a 8 de reclusão.

As instalações da oficina de costura localizada em Guarulhos. Foto: Policia Federal

 

As instalações da oficina de costura localizada em Guarulhos. Foto: Policia Federal

 

As instalações da oficina de costura localizada em Guarulhos. Foto: Policia Federal

 

As instalações da oficina de costura localizada em Guarulhos. Foto: Policia Federal

 

A frente da oficina de costura localizada em Guarulhos. Foto: Policia Federal

 

As instalações da oficina de costura localizada em Guarulhos. Foto: Policia Federal

Tudo o que sabemos sobre:

Trabalho EscravoPolícia Federal

Tendências: