PF mira quadrilha que fraudava licitações do combustível em Alagoas

PF mira quadrilha que fraudava licitações do combustível em Alagoas

Operação Baldroca cumpre seis mandados de busca e apreensão contra organização criminosa acusada de fraudar licitações em Santa Luzia do Norte

Redação

13 de março de 2019 | 08h42

Grupo atuava em fraudes licitatórias para fornecimento de combustível. Foto: Nilton Fukuda/Estadão

A Polícia Federal deflagrou nesta quarta, 13, a Operação Baldroca contra quadrilha responsável por fraudar licitações me Santa Luzia do Norte (AL). A ação contou com apoio da Controladoria-Geral da União (CGU) e da Receita Federal.

Durante esta manhã estão sendo cumpridos seis mandados de busca e apreensão, três deles em Maceió, um em Satuba (AL), um em Santa Luzia do Norte e outro em Bom Conselho (PE). Todos expedidos pela 2ª Vara da Justiça Federal.

Segundo os investigadores, o grupo fraudava licitações para fornecimento de combustíveis, com direcionamento dos certames e superfaturamento. Os acusados responderão pelos crimes de fraude em licitação, organização criminosa e crime de responsabilidade. Somadas, as penas podem chegar a 24 anos de prisão.

Participam da operação 35 policiais federais, dois servidores da CGU e dois auditores da Receita.