PF mata seis em confronto com ladrões de banco

PF mata seis em confronto com ladrões de banco

Equipes federais de Maringá e Cascavel, no Paraná, travaram cerrado tiroteio com uma quadrilha após 'reação violenta à ação policial'

Redação

07 de abril de 2017 | 12h07

Foto: PF

Foto: PF

Foto: PF

Foto: PF

Foto: PF

Foto: PF

Equipes da Polícia Federal das Delegacias de Maringá e Cascavel, no interior do Paraná, entraram em confronto armado com uma quadrilha de assaltantes a banco na manhã desta sexta-feira, 7, ‘resultando na morte de seis criminosos em decorrência da reação violenta à ação policial’.

O confronto ocorreu por volta das 7h30 nas águas do rio Paranapanema, limites do município de Alvorada do Sul (PR).

Por volta de 4h30, segundo nota divulgada pela PF, o mesmo grupo explodiu as dependências de duas agências bancárias no município de Cruzália, interior de São Paulo.

“Este grupo possui ‘modus operandi’ semelhante a outras cinco ocorrências de explosão e roubos a banco em municípios do interior de São Paulo e Paraná”, destaca a PF.

Segundo a PF em Curitiba, ‘o resultado dos trabalhos de hoje’ é decorrente de serviços integrados de inteligência entre a Polícia Federal e Departamento de Inteligência do Estado do Paraná, da Secretaria de Segurança Pública do Estado.

Tudo o que sabemos sobre:

Polícia Federalparaná

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.