PF fecha postos de passaportes nos shoppings de São Paulo

Medida anunciada nesta sexta, 20, foi tomada depois que prefeito Bruno Covas (PSDB) baixou ato mandado cerrar as portas do comércio em toda a metrópole

Paulo Roberto Netto

20 de março de 2020 | 15h54

Foto: Wilton Junior/AE

A Polícia Federal fechou os postos de emissão de passaporte instalados nos shoppings de São Paulo após o prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), determinar a suspensão do comércio em toda a capital. A medida visa evitar aglomerações e ajudar na prevenção ao novo coronavírus.

Em nota, a PF informa que os postos nos shoppings West Plaza, Ibirapuera, Eldorado e Mooca estão fechados. As demais unidades na região metropolitana de São Paulo, como no Shopping ABC, Shopping D e Shopping Alpha, estarão abertos apenas para entrega de passaportes já confeccionados e somente enquanto os centros comerciais permanecerem em atividade.

“Todos os requerentes que estão agendados para confecção de passaporte em algum PEP (Posto de Emissão de Passaporte) da região metropolitana de São Paulo e que tenham passagem emitida para viagem internacional nos próximos 30 dias, deverão comparecer diretamente na Superintendência da Polícia Federal em São Paulo (Rua Hugo D’antola, 95, Lapa), na data e horário que foram agendados”, informa a corporação.

Os cidadãos que fizeram requerimento de passaporte mas não conseguirão recebê-los nos postos dos shoppings da capital paulista e que tem passagem emitida para as próximas 72 horas devem comparecer à Superintendência da PF com documentos de identificação pessoal e passagem impressa para atendimento.

Os passaportes que não puderam ser retirados em razão do fechamento dos PEPs, terão o prazo estendido para a retirada por tempo indeterminado.

Tudo o que sabemos sobre:

Polícia Federalpassaportecoronavírus

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.