PF e PRF estouram depósito com 8 toneladas de maconha, fuzis e pistolas no Paraná

PF e PRF estouram depósito com 8 toneladas de maconha, fuzis e pistolas no Paraná

Apreensão de maconha é a maior feita este ano no Paraná; dois membros da quadrilha foram presos e o destino das drogas, armas e munições era o RJ

Redação

17 de abril de 2020 | 15h57

A Polícia Federal (PF) e Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreenderam na manhã nesta sexta, 17, dois fuzis, 14 pistolas, munições e contêineres de madeira com maconha na cidade de Palotina, na região oeste do Paraná. Em balanço divulgado na noite desta sexta, a PRF dá conta de que foram encontrados 8.281 quilos de maconha.

É a maior apreensão de maconha realizada este ano pela Polícia Rodoviária Federal em todo o país.

Até então, a maior apreensão feita este ano havia sido registrada em Rio Brilhante (MS), no último mês de fevereiro, quando 2,6 toneladas da droga foram retiradas de circulação.

A investigação teve início a partir de informações levantadas pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) de Foz do Iguaçu (PR), com a suspeita de existência de rota de tráfico de armas e drogas visando abastecer a criminalidade organizada que atua no Rio de Janeiro.

Carga apreendida pela PF e PRF no Paraná. Foto: Polícia Federal

A Polícia Federal ainda não pesou a droga, mas acredita que provavelmente se trata da ‘maior apreensão de maconha realizada neste ano’ no Paraná.

Um dos fuzis apreendidos é de calibre 7.62mm e o outro de calibre 5.56mm. Também foram apreendidos quatro ‘kits rajada’, acessórios capazes de transformar pistolas comuns em armas de fogo automáticas.

A maioria dos itens apreendidos estava escondida em um galpão, na cidade de Palotina, mas a operação conjunta da PF e da PRF cumpriu mandados de busca e apreensão em outros três locais, todos na região oeste do Paraná.

Durante as diligências, um homem e uma mulher foram presos em flagrante e, ao menos três veículos de alto padrão com alerta de roubo foram recuperados: duas caminhonetes e um automóvel. As duas caminhonetes foram roubadas no estado do Rio de Janeiro, reforçando a conexão dos crimes violentos com o tráfico de armas e drogas.

Balanço preliminar da ação conjunta da PF e PRF:

– Sete contêineres de madeira com toneladas de maconha (a ser pesada);
– Um pacote de haxixe;
– Dois fuzis, um deles de calibre 7.62mm e outro, 5.56mm;
– 14 pistolas;
– 4 kits rajada (acessório que transforma pistolas em armas automáticas);
– Duas pessoas presas (um homem e uma mulher);
– Três veículos com alerta de roubo recuperados (duas caminhonetes e um automóvel).

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.