PF deflagra operação contra pornografia e abuso sexual de menores

PF deflagra operação contra pornografia e abuso sexual de menores

Operação Resgate, em Praia Grande, litoral Sul de São Paulo, investiga suspeitos de produzir e distribuir na internet imagens de violência sexual contra crianças e adolescentes

Luiz Vassallo e Julia Affonso

22 Março 2017 | 10h47

Foto: Reprodução/Sindicato dos Delegados da Polícia Federal

Foto: Reprodução/Sindicato dos Delegados da Polícia Federal

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta quarta-feira, 22, na cidade de Praia Grande, litoral sul de São Paulo, a Operação Resgate. A ação investiga suspeitos de produzir e distribuir na internet arquivos contendo abuso sexual de crianças e adolescentes.

A corporação em Santos (SP) afirma ter identificado, em janeiro deste ano, fotos que retratavam exploração sexual de crianças produzidas por um dos suspeitos sendo distribuídas em um site internacional.

Em nota, a PF informa que realizou busca domiciliar em cinco locais apontados como possíveis pontos de distribuição da pornografia infantil. Foi decretada a prisão preventiva de quatro pessoas investigadas por envolvimento com estupro de crianças do próprio convívio.

Os investigados vão responder por crimes relacionados aos abuso sexual de menores e distribuição e manutenção de pornografia infantil, previstos no Código Penal e no Estatuto da Criança e do Adolescente.

Notícias relacionadas

Mais conteúdo sobre:

Polícia FederalViolência sexual