PF apreende 300 mil para-brisas chineses

PF apreende 300 mil para-brisas chineses

Agentes em São Paulo fazem buscas em galpões para combater fraudes em importações

Redação

19 de agosto de 2015 | 14h43

Por Fausto Macedo

chineses1

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quarta-feira, 19, a Operação 300, contra a importação fraudulenta de para-brisas laminados de veículos para posterior comercialização dos produtos em todo o País. Os federais apreenderam 300 mil para-brisas importados da China.

As peças entravam no Brasil pelo porto de Santos e seguiam para o entreposto da Receita em Guarulhos, para procedimento de desembaraço alfandegário.

chineses3

Os preços lançados nas notas fiscais eram subfaturados. Após os trâmites formais, os materiais eram enviados para um galpão em Mogi das Cruzes, na Grande São Paulo, que não pertencia à empresa importadora, e diferente da indicada nos documentos de importação. Deste local, seguiam para outros 6 galpões, também clandestinos, para posterior distribuição pelo Brasil.

A PF informou que Operação 300 ‘faz referência aos guerreiros spartanos, os quais simbolizam os esforços no combate à criminalidade’.

chineses2

Segundo a PF, além do crime de descaminho, há suspeitas de que os para-brisas não atendam aos requisitos de segurança exigidos pelo órgão regulamentar do setor, ‘o que pode causar sérios riscos à segurança dos ocupantes que utilizam os veículos’. Amostras serão submetidas a exames periciais para aferição da qualidade e análise de risco aos motoristas.

A Operação 300 cumpriu 14 mandados de busca e apreensão em 5 galpões e 7 mandados de condução coercitiva. Os 7 investigados serão indiciados por descaminho e associação criminosa.

chineses4

Tudo o que sabemos sobre:

ChinaPolícia FederalPorto de Santos

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.