Operação contra locaute ‘100% exitosa’, diz chefe da PF no Sul

Operação contra locaute ‘100% exitosa’, diz chefe da PF no Sul

Delegado Alexandre Isbarrola, superintendente da Polícia Federal no Rio Grande do Sul, informou que foram cumpridos todos os mandados da Operação Unlocked que mira transportadoras

Nayara Figueiredo/BRASÍLIA

31 Maio 2018 | 13h45

FOTO: JF DIORIO / ESTADÃO

O superintendente da Polícia Federal no Rio Grande do Sul, Alexandre Isbarrola, disse nesta quinta-feira, 31, que todos os mandados de busca e apreensão previstos para integrar o primeiro dia da Operação Unlocked já foram cumpridos. Ele classificou a atuação dos agentes como ‘100% exitosa’. Isbarrola divulgou as informações durante coletiva de imprensa sobre a operação que investiga a prática de locaute em rodovias gaúchas.

“O efetivo da Polícia Federal está mobilizado e trabalhando fortemente para a identificação deste e outros fatos que venham a ocorrer para impedir o livre (tráfego) de mercadorias. Vamos identificar e responsabilizar essas pessoas, sendo comprovada a formação de quadrilha ou bando”, afirmou.

Mais cedo, a PF havia informado que mais de 60 policiais federais cumpririam três mandados de busca e apreensão nos municípios de Vale Real e Caxias do Sul, e um de prisão temporária em um condomínio de luxo em Xangri-Lá.

O locaute teria ocorrido nas rodovias RS-122, RS-452 e BR-116, na região dos municípios de Bom Princípio, Feliz e Vila Cristina, no Rio Grande do Sul.

De acordo com as investigações, o administrador de uma grande transportadora estaria ameaçando caminhoneiros para que não realizassem o transporte de cargas, com o objetivo de provocar desabastecimento nas regiões serranas.

Mais conteúdo sobre:

Polícia Federallocaute