‘O que faz um desgoverno’, diz Janot sobre a greve dos caminhoneiros

‘O que faz um desgoverno’, diz Janot sobre a greve dos caminhoneiros

Ex-procurador-geral, que duas vezes denunciou criminalmente o presidente em 2017, se manifestou em sua conta no Twitter sobre a paralisação que assombra o País

Fausto Macedo e Julia Affonso

29 Maio 2018 | 11h22

Michel Temer e Rodrigo Janot em solenidade Militar alusiva ao Dia do Aviador e ao Dia da Força Aérea Brasileira em 2016. Foto: Marcos Correa/PR

O ex-procurador-geral Rodrigo Janot comentou a greve dos caminhoneiros em sua conta no Twitter. “O que faz um desgoverno’, escreveu.

Janot não citou no comentário postado na segunda-feira, 28,. o nome do presidente Michel Temer, contra quem ofereceu duas denúncias criminais em 2017 a partir da delação dos executivos da JBS, do Grupo J&F – as acusações do procurador foram enterradas na Câmara.

A paralisação que assombra o País completa nove dias nesta terça-feira, 29. O governo anunciou ter atendido as reivindicações dos caminhoneiros, mas ainda há muitos pontos de bloqueios em quase todo o país.

Mais conteúdo sobre:

Michel Temerrodrigo janotgreve